top of page

Digital Storytelling: técnicas para conquistar o seu público através de histórias

O storytelling é um conceito que tem ganhado muito espaço em diversas mídias, e embora não seja um conceito novo, existem muitas aplicações diferenciadas para ele em um canal digital de uma empresa de cobertura metálica zipada, por exemplo.


O conceito do storytelling não é muito complexo: trata-se de usar uma narrativa de história, seja ela real ou roteirizada, para conseguir promover uma empresa ou um produto de forma mais efetiva, chamando a atenção do público.



Entretanto, o mundo tem passado por um processo conhecido como transformação digital, no qual uma série de avanços tecnológicos tem se tornado mais popular e parte do dia a dia das pessoas como um todo.


Isso acabou modificando completamente o mercado, fazendo com que mais pessoas entendam a necessidade de estar em canais digitais de maneira mais efetiva e produzir um conteúdo diferenciado para empresas de climatização de ambientes.


Com isso, a possibilidade de mudar a maneira de fazer storytelling acabou surgindo, criando assim uma versão digital da ferramenta, que combina o potencial de criar uma boa história com as ferramentas digitais para garantir resultados muito mais efetivos.


A grande diferença entre o storytelling e o digital storytelling, na verdade, é a mídia para qual o conteúdo está sendo produzido.


Enquanto no molde tradicional é pensada toda uma estrutura de recursos físicos e outros elementos de destaque que podem fazer a diferença na produção de conteúdo para uma empresa de cabeamento de rede, no caso do digital storytelling o pensamento é todo adaptado para o mundo virtual.


Isso permite um aprimoramento de canais de comunicação e possibilidades, uma vez que você pode usar os mais diversos meios de contar sua história, como:

  • Produção de texto;

  • Conteúdo audiovisual;

  • Imagens e fotografias;

  • Publicações em redes sociais.

O importante é que a história seja passada de forma clara e objetiva para a maior parte de consumidores digitais possível. Isso ajuda a divulgar seu conteúdo e pode ser uma importante maneira de garantir resultados mais efetivos para suas ações.


No conceito, entretanto, a situação permanece inalterada. O objetivo principal é criar uma estrutura que envolve o consumidor e que seja atraente do ponto de vista emocional, buscando uma conexão mais forte com o público que procura por inspeção instalações elétricas.


Criar uma história demanda atenção e cuidado. É preciso que você entenda o que seu público deseja e conhece, uma vez que as pessoas se conectam com histórias reais. A autenticidade é um dos elementos mais primordiais para esse tipo de ação.


Entretanto, é preciso que essa história chegue até os clientes para causar o efeito que você deseja nesse tipo de dispositivo. Quanto mais você consegue alcançar as pessoas, maior é o público que se engaja com sua história.


Por isso, é importante pensar em canais digitais e meios de comunicação que serão utilizados para que você consiga contar sua história sobre uma chapa perfurada metálica de maneira completa. Cada rede social ou plataforma tem suas próprias peculiaridades.


Esse é um importante trabalho de pesquisa para elaborar uma estrutura adequada em seu processo de criação. A circulação da história deve ser livre, passando pelo máximo de dispositivos e plataformas possíveis para atingir o seu objetivo de marketing.


Além disso, o dimensionamento da história é um ponto importante. O storytelling não tem um limite para contar uma história, mas quanto mais complexa e elaborada ela for, mais trabalho será para engajar com o produto ou serviço que você está tentando apresentar.



As histórias muito longas também podem parecer mais apressadas, principalmente quando você tenta chegar ao clímax para apresentar o material que estava sendo divulgado sobre limpeza comercial, por exemplo, em primeiro lugar.


Por isso, histórias curtas e simples acabam sendo uma solução muito mais efetiva quando o assunto é aplicar o storytelling digital.


A maioria dos consumidores têm um nível de atenção baixo também, e acabam se distraindo com alguma outra coisa se a história não os cativar desde o princípio.


Técnicas de digital storytelling


Agora que você conhece um pouco melhor o digital storytelling, é importante ter em mente que existem diversas técnicas que podem ser utilizadas para aplicar a ferramenta, e você deve encontrar aquela que mais se adapta a sua necessidade.


Cada empresa no mercado é única e nem sempre a mesma técnica funcionará adequadamente para duas companhias, ainda que ambas estejam trabalhando no mesmo segmento de atuação.


Por isso, entender suas possibilidades e avaliar aqueles que estão mais próximos do que você precisa é muito importante para garantir resultados que de fato façam a diferença em suas atividades de serviço de engenharia como um todo.


Product Placement


Um dos formatos mais clássicos de storytelling tem um forte potencial no mundo digital. O product placement é uma maneira discreta de usar uma história para inserir uma ação publicitária ou de marketing.


Normalmente as pessoas identificam o product placement em filmes e séries, quando um personagem utiliza algum produto de certa marca, como uma bebida, ou entrar em um veículo de uma marca específica, sem que isso impacte a cena diretamente.


O segredo do product placement é a naturalidade. Esse tipo de ação funciona porque faz sentido para aquele personagem, naquele momento da história, usar o produto em questão, sem que isso destoe a situação que está acontecendo dentro da história.


Dessa maneira, o público que está acompanhando acaba ficando com o gatilho mental de consumir aquele produto, o que dá muito mais força para as vendas de um determinado item que está sendo divulgado com um balão publicitário.


O consumidor em alguns casos nem percebe o quanto o product placement está afetando-o, pois em muitos casos o item é colocado de uma maneira indireta na cena, como um cartaz de venda ou um pôster ao fundo de um local onde os personagens estão conversando.


Narratologia


A narratologia é uma ação mais direta, que envolve a marca diretamente. Neste caso, a própria história que está sendo desenvolvida está diretamente relacionada ao produto ou serviço que está sendo foco da ação.


Uma história de narratologia cria uma problemática que pode ser solucionada com o que a empresa tem a oferecer, fazendo com que o público entenda a necessidade daquele item existir e sua importância como um todo.


Normalmente, a narratologia é direcionada ao público-alvo da empresa, criando uma identificação muito maior e fazendo com que aquela companhia se torne uma referência dentro do segmento em que atua.


Isso gera o interesse de consumir aquele item em particular, uma vez que o entendimento do consumidor é que ele é a melhor opção para que esse tipo de atividade seja realizada de maneira realmente funcional.


As ideias dentro da narratologia devem ser claras e concisas para que não haja dúvidas quando a narrativa terminar de que sua empresa possui o melhor meio de solucionar o problema que está sendo apresentado.


Isso acaba virando a cabeça de consumidores indecisos, que conseguem compreender melhor suas vantagens e acabam por fechar negócios com você.


Personalidade da marca


Neste formato de digital storytelling, você está apresentando sua marca para o público, e não um produto ou serviço em específico. A história, cultura e valores de sua empresa devem ser destacados nesse formato de história.


O foco aqui é criar uma conexão entre consumidor e marca, fazendo com que seu público se identifique com sua missão, visão e valores. Esse tipo de atividade é fundamental para que ele entenda o quão necessária é sua empresa dentro do mercado atual.


O trabalho com arquétipos é muito importante nesse tipo de atividade, uma vez que eles ajudam a posicionar mais adequadamente a empresa no imaginário dos consumidores.


Cultura pop


A cultura pop trabalha com elementos culturais populares, ou seja, elementos que se destacam no universo digital, como memes e conteúdos virais. Utilizar esse tipo de ferramenta a seu favor é importante para se tornar mais popular com esse público.


A cultura pop está em constante transformação, por isso um dos principais pontos para trabalhar com o storytelling desse formato é estar sempre acompanhando as tendências de mercado e como elas podem impactar positivamente sua companhia.


Isso permite que você tenha um potencial muito maior de viralizar seu conteúdo, tornando-se muito mais conhecido dentro dos canais de comunicação digitais.


Considerações finais


Contar histórias não é um processo novo, mas é uma atividade constante que segue oferecendo excelentes resultados a longo prazo para quem decide trabalhar com esse tipo de técnica.


Dentro do mercado digital, isso se torna ainda mais importante, uma vez que estas ações acabam ganhando ainda mais destaque na internet, desde que sejam realizadas de uma maneira efetiva dentro desse novo método de comunicação.


Nesse aspecto, empresas que trabalham com o storytelling digital acabam se destacando em seus segmentos de atuação, tornando-se verdadeiras lideranças no mercado.


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


3 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page