Como ter engajamento no meu blog


O blog acabou se tornando parte essencial das estratégias de marketing de qualquer empresa, independentemente do ramo de atuação. É exatamente por essa razão que vemos tantas postagens na internet.


Mesmo diante dessa realidade, alguns empreendedores ainda se perguntam se realmente deveriam ter um blog. Claro que a resposta é sim, pois esse canal trará mais credibilidade e visibilidade para o negócio.


O marketing digital mudou o modo como marcas, produtos e serviços são divulgados, e dentre todas as estratégias que o envolvem, o marketing de conteúdo é uma das mais importantes.


É com ele que as companhias publicam materiais ricos, com o intuito de levar informação ao público-alvo. Esses materiais podem assumir diferentes formatos, sendo que o melhor canal para veiculá-los é o blog.


Inclusive, quanto melhor forem os conteúdos, melhor será o posicionamento e o ganho de autoridade do negócio no mercado.

Então, quando falamos em blog, estamos falando de um canal que vai te ajudar a construir a autoridade da sua empresa. É nesse canal que a sua audiência vai buscar informações relacionadas a sua segmentação.

Neste artigo, vamos explicar a importância do blog, sua funcionalidade, impactos nos leitores e como melhorar o engajamento dos seus leitores. Confira!


Entenda qual a importância do blog


Ter um blog é ter um canal para publicar conteúdos relevantes para seu público-alvo, e com isso ter acesso a alguns benefícios, como:

  • Aumento da visibilidade;

  • Baixo custo;

  • Aumento de clientes;

  • Geração de renda;

  • Melhora do relacionamento com o público.

Ao criar um blog, é importante que ele seja divulgado, e isso pode ser feito por meio de anúncios no Google, e-mail marketing, posicionamento nas buscas, redes sociais e muitas outras possibilidades.


Quanto mais os artigos das empresas que fazem camisetas personalizadas, por exemplo, forem vistos, mais pessoas irão conhecê-las. E esse reconhecimento se dá por algo de valor, por fornecer informações úteis ao público.


Não é preciso fazer altos investimentos para criar o blog, visto que existem plataformas gratuitas e fáceis de gerenciar, como o WordPress que, inclusive, é a mais usada.


Se o próprio empreendedor produz os conteúdos, não precisará arcar com os custos de um profissional, e toda a divulgação também pode ser gratuita. Uma vez que o blog traz mais visibilidade para a marca, ela terá mais chances de aumentar o número de clientes.


Pessoas interessadas no assunto chegarão até o blog e passarão a se interessar pelas soluções do negócio, claro, se a empresa esclarecer as principais dúvidas, despertar o sentimento de gratidão em sua audiência e seu interesse e confiança.


Aumentar os clientes por si só significa gerar renda, mas o blog também é um canal rentável, se for bem trabalhado. Existem pessoas que se dedicam exclusivamente a esse canal como fonte de renda, no caso, os blogueiros.


Eles mantêm o foco em um segmento, por exemplo, viagens, gastronomia, blog, beleza, dentre outros, o que atrai uma grande quantidade de leitores.


Então, se o blog de um fabricante de rótulos personalizados, por exemplo, tem um tráfego intenso, ele pode ser cadastrado no Google AdSense e vender publicidade.


Isso torna os conteúdos ainda mais visíveis, sendo que a cada clique que os anúncios receberem, o dono do blog recebe uma porcentagem.


Por fim, ter um blog é importante para melhorar o relacionamento com o público-alvo. Mais do que isso, ele favorece o relacionamento com os clientes e colabora para o processo de fidelização.


Os conteúdos de valor mantém a marca na mente dos consumidores, e quando eles precisarem de algum produto, vão se lembrar dela. De forma geral, essa plataforma serve para veicular suas estratégias de marketing de conteúdo e gerar um impacto nos leitores.


Eles se sentem mais seguros em relação à marca porque enxergam a autoridade dela naquilo que faz. Por exemplo, se uma pessoa precisa adquirir etiqueta tag, ela não quer apenas o melhor produto, mas uma marca que se comunique com ela.


O consumidor moderno não se interessa por companhias que querem vender, mas, sim, aquelas que querem conversar com ele, esclarecer suas dúvidas e oferecer soluções para as suas necessidades.


É no blog que você vai mostrar que o leitor tem um problema ou de que forma sua marca pode atender às necessidades dele. Assim sendo, esse canal funciona como uma vara de pesca.


Ou seja, primeiro ele atrai a pessoa e desperta a curiosidade dela, depois ganha sua confiança e finalmente faz com que se interesse pelos produtos e serviços.


Esse efeito é importante atualmente, tendo em vista que a produção de conteúdo se tornou a estratégia mais importante para ganhar o mercado e se comunicar com as pessoas no principal meio de comunicação: a internet.


Agora que você já entendeu a importância do blog, sua funcionalidade e os impactos provocados nos leitores, precisa trabalhar para aumentar o engajamento da plataforma.

Acompanhe o próximo tópico para saber como fazer isso e obter os melhores resultados com esse canal indispensável para o seu negócio.


Como melhorar o engajamento do blog


O engajamento do blog institucional, tanto de empresas de etiquetas adesivas quanto de qualquer outra, depende da qualidade dos conteúdos.

Sendo assim, algumas estratégias importantes são:


Pesquisar as palavras-chave


Você precisa identificar o volume de buscas de determinado termo relacionado ao assunto que vai escrever. Se a palavra-chave é muito pesquisada, é possível atrair mais audiência para o conteúdo.


É necessário definir uma palavra para cada publicação, e isso é importante porque conquista mais engajamento dentro de uma única postagem.


Para encontrar as melhores palavras-chave, uma gráfica de banner promocional, por exemplo, pode usar o Google Keyword Planner, pois essa ferramenta mostra quais são os melhores termos para as publicações.


Variar as palavra-chave


Apesar de ser necessário manter o foco em determinado termo, ao longo do texto, ele precisa variar para que o conteúdo não se torne repetitivo.


Se você não usar essa estratégia e repetir muito a palavra, pode tornar a leitura cansativa, o que vai afetar negativamente o engajamento da publicação.

Garanta uma leitura mais fluida investindo em variações dos termos do começo ao fim do material que será postado, inclusive áudios e vídeos.


Saber quais conteúdos postar


Para saber sobre o que você vai falar, é essencial saber se o assunto interessa à sua audiência. Um fabricante de etiquetas para embalagens, por exemplo, identifica a sua persona, e com isso desenvolve materiais voltados aos interesses dela.


Se o conteúdo agrega valor à audiência, então as pessoas ficarão sempre interessadas, consequentemente, a audiência é beneficiada, visto que os leitores passarão mais tempo consumindo os materiais.


Para saber qual assunto é relevante para os seus leitores, é necessário saber quais são os problemas deles e usar algumas ferramentas para identificar as pautas em alta no seu segmento.


Uma delas é o Google Trends, que mostra o que está em alta no momento; o Google Analytics, que mostra o comportamento da audiência; e os comentários nas publicações do seu blog.


Entretanto, nada impede que um fabricante de sinalização de segurança, por exemplo, utilize outras maneiras que conhece para buscar assuntos interessantes, como participar de fóruns de discussão.


Organizar os textos em tópicos


Você deve ter reparado que este texto está todo organizado por tópicos, e a razão disso é que eles facilitam a leitura, o que aumenta o engajamento também.

É importante usar intertítulos para hierarquizar as informações e tornar os textos escaláveis para a leitura. Mais do que deixar o material fluido, saiba que isso é considerado importante para os motores de busca.


Ademais, mantenha o seu texto sempre alinhado à esquerda, pois esse tipo de alinhamento facilita a leitura e o movimento dos olhos, ajudando a reter um público maior na plataforma.


Usar recursos gráficos


Recursos gráficos, como as imagens, são uma forma de ressaltar a relevância do material. São meios interessantes de compartilhar conhecimento e tornar o conteúdo ainda mais relevante.


Por exemplo, uma empresa de controle de acesso pode utilizar as imagens também para dar descanso na leitura de textos mais extensos. Porém, lembre-se que elas devem estar relacionadas ao assunto e complementarem a informação.


Os vídeos tornam o material ainda mais rico e conseguem unir som e imagem no mesmo espaço. Além deles, outros recursos podem ser usados, como áudios, gráficos, dentre outros.

Para definir qual tipo combina mais com seus materiais, experimente cada um deles e veja de que maneira compõem o texto original.


Conclusão


O blog, sem dúvidas, é fonte de conhecimento para a sua audiência, então, oferecer conhecimento significa se mostrar como uma marca que está disposta a solucionar os problemas e necessidades dos consumidores, não apenas vender.


É dessa forma que seu negócio conquista a atenção e a confiança das pessoas, posicionando-se como autoridade no que faz e como uma empresa parceira no dia a dia.


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


2 visualizações0 comentário